NOTÍCIAS

01.11.2018

Bandeira tarifária terá patamar amarelo em novembro

Após cinco meses com a tarifa de energia na chamada Bandeira Vermelha – com acréscimo de R$5 em cima da tarifa convencional, os consumidores passarão a pagar mais barato nesse mês de novembro a entrar na Bandeira Amarela. Dessa forma, haverá redução na cobrança, passando ao custo de apenas R$1 a cada 100 kWh, R$ 4 a menos que a atualmente em vigor, conforme definido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

A mudança se dará por conta do início do período de chuvas, conforme apresentado pela agência reguladora. “Os consumidores observarão a redução no acréscimo da fatura a partir das leituras efetuadas em novembro. Já possuímos a tarifa na quinta colocação da mais baratas do país e com esse pequeno valor adicional nosso consumidor seguirá não sendo prejudicado”, frisou o gerente administrativo Reginaldo de Jesus.

Sistema de bandeiras

Desde 2015 a Aneel passou a efetuar o Sistema de Bandeiras Tarifárias, que indicam o acréscimo ou não no valor da energia para os consumidores. Tudo isso se dispõe por conta das condições de geração de eletricidade. Confira como funciona:

Bandeira verde: condições favoráveis de geração de energia. A tarifa não sofre nenhum acréscimo;

Bandeira amarela: condições de geração menos favoráveis. A tarifa sofre acréscimo de R$ 0,010 para cada quilowatt-hora (kWh) consumidos;

Bandeira vermelha - Patamar 1: condições mais custosas de geração. A tarifa sofre acréscimo de R$ 0,030 para cada quilowatt-hora kWh consumido.

Bandeira vermelha - Patamar 2: condições ainda mais custosas de geração. A tarifa sofre acréscimo de R$ 0,050 para cada quilowatt-hora kWh consumido.

Todos os consumidores cativos das distribuidoras serão faturados pelo Sistema de Bandeiras Tarifárias, com exceção daqueles localizados em sistemas isolados.

 

Fonte: Mariéli Salvador - JP 0006300/SC - Assessoria de Comunicação -
DESLIGAMENTOS PROGRAMADOS

Não há desligamentos programados para esta data.

NOTÍCIAS

01.11.2018 Bandeira tarifária terá patamar amarelo em novembro + CONTINUAR LENDO